• Nome Próprio:   
  • Apelido:   

Os Belard

Genealogia e história de uma família em Belard.pt

Notas


Resultados 1 até 50 de 77

      1 2 Próx.»

 #   Notas   Ligado a 
1 "A sua morte prematura impressionou a sociedade da época, tendo José Manuel Lopes do Rego publicado um In Memoriam Maria Amélia de Vasconcelos Belard Kopke, Mirandela, Tip. Rego, 1940, 33 p." - Jorge Forjaz, "Genealogias de São Tomé e Príncipe - Subsídios", pg. 88 de Vasconcelos Belard Kopke, D. Maria Amélia (I562)
 
2
Notícia do funeral do 1º Visconde de Santa Margarida - recorte de um jornal de Beja de 1904

Colecção Luís Belard da Fonseca

 
Gomes da Fonseca, General António Joaquim (I019)
 
3 A data do falecimento consta da secretaria do Cemitério dos Prazeres de Moura Belard, D. Maria Gabriela da Madre de Deus (I258)
 
4 A data do nascimento foi indicada pelo José Manuel Bragança Belard Pedrosa Alves, seu neto Bragança, D. Virgínia Augusta (I261)
 
5 A data do óbito consta da secretaria do Cemitério dos Prazeres
Faleceu pouco mais de um mês depois do pai 
de Moura Belard, D. Valentina (I259)
 
6 A data do óbito consta da secretaria do Cemitério dos Prazeres Lopes de Moraes Silvano Jr., Francisco (I304)
 
7 A data do óbito é a averbada no Registo de Casamento de Menezes Belard da Fonseca, Dr. Francisco de Assis (I186)
 
8 A fonte desta informação, sob o nome Mariana Belard de Araújo Ramos, é o Family Search, sem mais indicações a não ser que o nascimento foi em São Tomé e Principe. Dificilmente não se tratará da mesma pessoa Muller Belard, D. Mariana (I241)
 
9 A mãe era viúva quando ele nasceu, de pai incógnito, pelo que foi registado como filho ilegítimo de Bastos, Leodegário Augusto (I006)
 
10 Ainda não encontrei qualquer prova da existência desta suposta 1º mulher de João Silvestre da Fonseca da Silveira, D. Ana Amália (I027)
 
11 Data do registo Botelho da Cunha, D. Violeta Teresa (I548)
 
12 De D. António Mantero y Velarde, irmão de D. Francisco Mantero, provém um outro ramo dos Mantero que também esteve em São Tomé, e ao qual pertence, por exemplo, a bailarina e coreógrafa Vera Mantero. Descendem também dos Velardes das Astúrias, por via de D. Joaquina Velarde y Romero, mas não de D. Francisco de Assis Velarde y Romero (Belard), pelo que não são Belard e não cabem no âmbito deste site. Todavia, quem tiver curiosidade de investigar este ramo dos Mantero tem a sua enumeração no livro do Dr. Jorge Forjaz, "Genealogias de São Tomé e Príncipe - Subsídios", 2011 Mantero y Velarde, D. António (I694)
 
13 Embora tenha muitos dados com interesse, a fiabilidade do Geneall é frequentemente discutível Repositório (REPO2)
 
14 Esta igreja ficava em frente do Convento de Santa Marta, hoje Hospital de Santa Marta. Fora construída em 1790 e restaurada entre 1877 e 1880. Foi demolida na década de 1960. Bellard, Francisco de Assis III (I399)
 
15 Este nome apenas aparece na secretaria do Cemitério dos Prazeres, no registo das pessoas sepultadas no Jazigo Belard. Pelo nome e pela data, suponho que se trate de mais uma filha de Inácio Muller Belard que tenha morrido criança de Moura Belard, D. Beatriz Leonor (I408)
 
16 Faleceu "no seu palacete à Alameda das Linhas de Torres", ou seja, na Quinta dos Lilases Mantero Belard, Eng. Artur (I407)
 
17 Faleceu num acidente de automóvel nos Carvalhos, em viagem do Porto para Lisboa Belard de Araújo Ramos, D. Raquel (I250)
 
18 Faleceu pouco depois do nascimento Kopke de Figueiredo Túlio, Henrique Suidberto (I568)
 
19 Faleceu pouco depois do nascimento Kopke de Figueiredo Túlio, Suidberto Henrique (I569)
 
20 Faleceu pouco depois do nascimento Kopke de Figueiredo Túlio, Manuel Maria (I570)
 
21 Faleceu solteira Belard de Araújo Ramos, D. Adelaide (I248)
 
22 Faleceu solteira Belard de Araújo Ramos, D. Helena (I249)
 
23 Filha natural de D. Francisco de Assis Velarde y Romero (Belard), nascida e falecida quando este estava viúvo da sua primeira mulher. Desconheço o nome da mãe da Silva Belard, D. Mariana (I230)
 
24 Foi a primeira filha de José Gomes da Fonseca Marques da Fonseca, D. Palmira Henriqueta (I674)
 
25 Foi Padrinho o seu tio paterno Francisco Pedro da Fonseca
e Madrinha D. Maria José da Silva Marques, quase de certeza sua tia materna 
Marques da Fonseca, D. Palmira Henriqueta (I674)
 
26 Foi seu Padrinho o depois Coronel António Joaquim de Sousa Tavares, cunhado de João Silvestre de Fonseca; tocou com a Procuração António Cortez Bermes de Lobão de Serpa
Foi sua Madrinha D. Catarina Hermosa, sua avó materna
Celebrou o Baptismo o Cura D. José Marfil

Estes dados constam do apontamento manuscrito por João Silvestre da Fonseca

A igreja deve ter sido a única igreja de Cabezas Rubias, a Igreja de Nuestra Señora de la Consolación (há também uma pequeníssima capela) 
Gomes da Fonseca, General António Joaquim (I019)
 
27 Foi seu padrinho o pároco D. Antonio Velarde, certamente da família de Cieza Castañeda Velarde, D. Joaquin Antonio (I701)
 
28 Foi sua madrinha D. Henriqueta de Mello Garrido Gomes da Fonseca, D. Henriqueta (I141)
 
29 Foram Padrinhos os 2ºs Marqueses de Viana, D. João Manuel Marques [de Meneses] e D. Maria do Carmo da Cunha [Quintela], os quais passaram procurações para o efeito ao Governador de São Tomé, Estanislau Xavier da Assunção e Almeida, e a D. Gertrudes de Senna Freitas Varela, tia materna da noiva e mulher do Dr. Teodósio da Silva Bastos Varela, rico agricultor e proprietário de uma das melhores casas de São Tomé, e ainda Juiz de direito substituto em São Tomé. Tanto o Governador Almeida como D. Gertrudes viviam na altura em São Tomé
O Dr. Jorge Forjaz indica como nome do padrinho D. João Manuel Berquó, o que é manifestamente um erro, pois o apelido Berquó só entrou na família dos marqueses de Viana mais tarde 
Família F14
 
30 Foram padrinhos os seus tios paternos, o General António Joaquim Gomes da Fonseca e D. Margarida de Assis Belard da Fonseca Belard, D. Margarida (I398)
 
31 Pessoa viva ou dados privados - detalhes ocultos por razões de privacidade Belard da Fonseca Sotero, António Manuel (I079)
 
32 Pessoa viva ou dados privados - detalhes ocultos por razões de privacidade Belard da Fonseca Sotero, Fernando Rui (I078)
 
33 Pessoa viva ou dados privados - detalhes ocultos por razões de privacidade Belard Rocha Filipe, Rodrigo (I649)
 
34 Informação de Victor Gustavo Ribeiro Bellard Cardoso Fernandes, D. Rosália (I409)
 
35 Pessoa viva ou dados privados - detalhes ocultos por razões de privacidade Kopke Túlio de Magalhães Amaral Neto, Domingos Maria (I688)
 
36 Informação do Victor Gustavo Ribeiro Bellard Fernandes Bellard, Reinaldo (I410)
 
37 Pessoa viva ou dados privados - detalhes ocultos por razões de privacidade Família F143
 
38 Morreu de parto Ferrão de Vasconcelos Belard, D. Júlia Maria (I641)
 
39 Morreu num acidente de automóvel à saída do I.P.O., Lisboa de Vasconcelos Belard Kopke, Dr. Aires José (I564)
 
40 Morreu num acidente de viação em Lisboa da Gama Lobo Belard, Armando (I530)
 
41 Morto em combate na Guerra Civil de Espanha (1936-1939), alistado nas tropas nacionalistas da Gama Lobo Belard, Fernando (I529)
 
42 Não existe qualquer referência a esta filha de Inácio Muller Belard no livro do Dr. Jorge Forjaz, "Genealogias de São Tomé e Príncipe - Subsídios", 2011, mas na secretaria do Cemitério dos Prazeres, em Lisboa, consta o registo do seu sepultamento no jazigo da família Belard. Tendo em conta os seus apelidos e a data do falecimento, creio que só se pode tratar de mais uma filha de Inácio Muller Belard que tenha morrido ainda criança. de Moura Belard, D. Margarida Leonarda (I260)
 
43 Não existe qualquer referência a este filho de D. Mariana Muller Belard no livro do Dr. Jorge Forjaz, "Genealogias de São Tomé e Príncipe - Subsídios", 2011, mas na secretaria do Cemitério dos Prazeres, em Lisboa, consta o registo do seu sepultamento no jazigo da família Belard. Tendo em conta os seus apelidos e a data do falecimento, creio que se deve tratar do primogénito de D. Mariana Muller Belard e do Capitão Januário de Araújo Ramos, que tenha morrido no parto ou pouco depois Belard de Araújo Ramos, Raul (I687)
 
44 Nesta Quinta dos Marechais, que pertenceu a D. Francisco de Assis Velarde y Romero (Belard), viveu e morreu mais tarde, em 1923, a mãe de Fernando Pessoa... Velarde y Romero (Belard), D. Francisco de Assis (I028)
 
45 Nunca usou o "Mariana" no nome, que apenas aparece assim no assento de nascimento. A própria família directa desconhece este facto. de Menezes Belard da Fonseca, D. Maria Margarida Mariana (I188)
 
46 O Assento de Casamento está nos livros paroquiais da freguesia do Espírito Santo - http://digitarq.adavr.arquivos.pt/viewer?id=1187826&FileID=PT-ADAVR-PAVR16-2-19_m0163.tif Família F3
 
47 O assento de óbito refere que Paquito Belard teria descendência dos dois casamentos e inclusivamente que D. Sofia Adelaide estaria grávida quando enviuvou; a filha póstuma Margarida viria a nascer a 7 de Novembro. Paquito Belard morreu quase dois anos depois de casar, aos 42 anos. Família F93
 
48 Pessoa viva ou dados privados - detalhes ocultos por razões de privacidade Família F88
 
49 O casamento foi civil porque D. Maria Josefina era divorciada Família F72
 
50 O casamento terá sido na Ermida de Nossa Senhora do Pranto ou na Igreja de Nossa Senhora das Dores? Família F51
 

      1 2 Próx.»



Links rápidos

Contactar Connosco

Mensagem do webmaster

Se tiver alguma dúvida ou questão em relação a este site, por favor envie-me um e-mail. Procurei sempre documentar todas as informações apresentadas.